IPDJ esclarece

Tutela do padel pertence à FPT

O Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) vincou que pertence à Federação Portuguesa de Ténis a tutela do padel em Portugal e que os estatutos da Federação Portuguesa de Padel “violam a legislação em vigor”.

Em parecer jurídico, o IPDJ sublinhou que “o padel é uma modalidade afim do ténis” e que a Federação Portuguesa de Ténis “tem o direito exclusivo de promover, dirigir, regulamentar, organizar a modalidade de padel em Portugal”.

O IPDJ entendeu ainda que “os estatutos da associação Federação Portuguesa de Padel violam a legislação em vigor”, pelo que a Federação Portuguesa de Ténis deve “acionar os competentes mecanismos legais, atendendo à delegação de poderes de natureza pública de que é titular”.

Por essa razão, o IPDJ acentuou que “deve a Federação Portuguesa de Ténis recorrer à via judicial, para impedir que a Federação Portuguesa de Padel organize campeonatos nacionais de padel”.

Clique no ícone para ter acesso à comunicação do IPDJ:

pdfdocumento.pdf

 

 

Copyright © 2017 - Federação Portuguesa de Ténis

Todos os direitos de reprodução reservados. Nenhuma parte deste site pode ser vendida ou reproduzida por qualquer sistema ou meio (inclui fotografias ou vídeos) sem a autorização por escrito à Federação Portuguesa de Ténis.