Introdução do Ténis em Portugal

Decorreram seis anos entre a publicação do «Regulamento do Jogo do Lawn-Tennis», da autoria do major inglês Walter Clopton Wingfield, e a introdução deste desporto em Portugal.

O referido regulamento, que sistematizava a modalidade idealizada por este oficial do exército de Sua Majestade britânica aquando de uma das suas comissões de serviço na Índia, foi tornado público em 1874. Em 1880 tiveram lugar no nosso país os primeiros jogos de ténis, praticados entre os representantes da comunidade inglesa, que confraternizavam de raqueta na mão, nos relvados do Porto, Cascais e Carcavelos.

O ténis ia-se tornando popular entre os abastados comerciantes ligados à exportação do Vinho do Porto. Os diplomatas, domiciliados na sua maioria na zona da vila piscatória dos arredores de Lisboa, não descuravam a possibilidade de experimentar a nova moda; e em Carcavelos eram os operários envolvidos na construção do cabo submarino que se divertiam com o novo desporto.

Mas de modalidade praticada em quase exclusivo pela comunidade anglófona a desporto preferido de uma parte significativa da aristocracia portuguesa foi um passo. Dado por um comerciante de renome, Guilherme Ferreira Pinto Basto.


     

Copyright © 2017 - Federação Portuguesa de Ténis

Todos os direitos de reprodução reservados. Nenhuma parte deste site pode ser vendida ou reproduzida por qualquer sistema ou meio (inclui fotografias ou vídeos) sem a autorização por escrito à Federação Portuguesa de Ténis.